fbpx

Campanha de prevenção ao suicídio é lembrada na Unisulma

Professor apresenta pesquisa em congresso internacional
21 de setembro de 2016
Curso de direito discute cultura do estupro e inclusão social
27 de setembro de 2016

Evento reuniu estudantes, docentes e profissionais de diversas áreas

Segundo estimativa da Organização Mundial da Saúde (OMS), a cada 40 segundos uma pessoa se suicida no mundo. No Brasil são 24 mortos por dia, taxa superior às vítimas de acidente de trânsito, homicídios, AIDS e da maioria dos tipos de câncer. Para tentar reduzir esse número, a Associação Internacional de Prevenção do Suicídio (IASP) criou a campanha do Setembro Amarelo.

Em alusão a essa iniciativa de conscientização mundial que discute o assunto e divulga ações preventivas, na última terça-feira, no auditório da Unisulma, foi realizada a palestra “Falando abertamente sobre suicídio”, com a psicóloga e especialista em saúde mental e atenção psicossocial e psicoterapias, Thátila Brito.

De acordo com a psicóloga é necessário debater o assunto, pois as estatísticas de suicídio têm aumentado e “não existe prevenção sem informação”. Ela destacou ainda, “é importante está atento aos 4D de alerta: depressão, desespero, desesperança, desamparo”, explicou.

Em sua fala Thálita compartilhou da experiência como vice-presidente do Centro Débora Mesquita, que tem por objetivo informar e sensibilizar a sociedade sobre causas, sintomas e tratamentos disponíveis dos transtornos psíquicos.

A psicóloga também é membra da Associação Brasileira de Prevenção do Suicídio (ABEPS), Grupo de Estudos e Pesquisas em Suicidologia do Piauí e coordenadora da Rede de Prevenção do Suicídio em Teresina (PI).

Na Unisulma, os acadêmicos ou colaboradores da faculdade que precisarem de orientações e ajuda podem procurar o Núcleo de Apoio Psicológico (NAP) que atende na terça-feira das 08 às 12h e das 17 às 19h, quarta-feira das 16 às 20h e quinta-feira das 08 às 12 h.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acessibilidade
//]]>