fbpx

III Congresso de Serviço Social é realizado com sucesso

Projeto Empreendemia apresenta empresas criadas por acadêmicos
16 de junho de 2016
Docente e acadêmicos da Unisulma conduzem a tocha olímpica
24 de junho de 2016

O evento reuniu cerca de 200 participantes 

Com o tema “Movimento de Reconceituação do Serviço Social: 50 anos de história”, visando discutir as principais perspectivas históricas da área, seus avanços na realidade brasileira e maranhense, foi realizado nos dias 02 a 04 de junho a terceira edição do Congresso de Serviço Social da Região Tocantina (CONSSORT).

A atividade promovida pelo curso de Serviço Social da Unisulma objetivou resgatar a contribuição do movimento de reconceituação para a área e defender a direção social assumida pela profissão na atualidade, além de reunir e proporcionar a articulação regional e nacional de estudos acadêmicos produzidos sobre a temática geral do congresso e estimular a pesquisa sobre esses assuntos.

O CONSSORT acontece a cada dois anos em Imperatriz e é voltado para professores, acadêmicos de Serviço Social, demais estudantes de outros cursos e instituições, pesquisadores, profissionais vinculados ao campo e egressos. Os três dias de atividade reuniu cerca de 200 participantes da cidade e municípios vizinhos.

Programação – O evento iniciou no dia 02 de junho, no Palácio do Comércio, com a conferência “Análise da perspectiva crítica no Serviço Social: Ética profissional, espaços sócio-ocupacionais e estágio supervisionado”, proferida pela professora doutora do Departamento de Serviço Social (DESES) da Universidade Federal do Maranhão (UFMA), Cristiana Costa Lima. O momento contou também com um ato pelo fim da cultura do estupro.

O segundo dia de Conssort a Unisulma foi o espaço para apresentação de diversos trabalhos científicos possibilitando a produção dos universitários e reflexão sobre os desafios da atuação do profissional da área. A programação seguiu com a palestra “Movimento de Reconceituação do Serviço Social: Contribuição para os avanços do Serviço Social no Brasil e no Maranhão”, ministrada pela assistente social e professora doutora do DESES/UFMA, Selma Brandão.

A programação, no último dia, conta o com lançamento do livro “Trabalho escravo contemporâneo: Reflexões e militância do Centro de Defesa da Vida e dos Direitos Humano Carmen Bascarán”. E a palestra de encerramento “Desafios da materialização do Projeto-Ético Político do exercício profissional” discorrida pela professora Eunice Pereira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acessibilidade
//]]>